• Terça-feira, 23 de julho de 2024

Di María encerra ciclo na seleção Argentina com final no domingo: 'Terminar da melhor maneira'

O jogador confirmou o seu adeus ao time nacional

A vaga garantida na final da Copa América com o triunfo sobre o Canadá, nesta terça-feira, assegurou um desfecho mais do que especial para um dos jogadores mais emblemáticos da seleção argentina. Aos 36 anos, Di María vai estar se despedindo da seleção argentina ao melhor estilo: em uma final de torneio.

Herói da última conquista, quando fez o gol da vitória de 1 a 0 contra o Brasil em pleno Maracanã, na Copa América de 2021, ele confirmou o seu adeus ao time nacional. No calor da emoção, o craque não conteve as lágrimas.

"Espero terminar da melhor maneira. Aconteça o que acontecer, acho que vou sair pela porta da frente. Fiz de tudo para encerrar a carreira assim. Trabalho muito, faço o que tenho de fazer e tento sempre dar o meu melhor. Dei a minha vida por essa camisa", afirmou o jogador bastante emocionado.

O discurso já em tom de despedida mesmo faltando uma partida para decretar a sua aposentadoria deu espaço para homenagens por parte do atleta do Benfica, de Portugal.

"Sou grato a todos que me apoiaram. Minha família, a essa equipe que me deu tudo (seleção da Argentina). Não estou preparado para o meu último jogo com a seleção, mas está na hora. Sonhei com isso dessa maneira e foi o que consegui. Chegar a mais uma final", comentou.

Nem mesmo o pedido dos companheiros para que fim da aposentadoria fosse adiado teve o poder de mudar o pensamento do atacante. "Eles sabem que não há volta. Está decidido. Dei tudo o que tinha de dar. Nos próximos jogos da seleção, estarei lá torcendo por eles", disse.

A despedida também ganhou forma nas redes sociais por meio de uma postagem de agradecimento. "Não encontro palavras para descrever tudo o que estou sentindo neste momento. Mas o que quero destacar é a gratidão que tenho por esse grupo", diz parte do texto em sua conta no Instagram.

Leia Também: Argentina derrota Canadá e vai decidir a Copa América mais uma vez

Artigos Relacionados: